Pfeffer, J. (2018). The overlooked essentials of employee well-being. McKinsey Quarterly, September (https://www.mckinsey.com/business-functions/organization/our-insights/the-overlooked-essentials-of-employee-well-being)

O bem-estar e a motivação no trabalho dependem de dois fatores essenciais: sentido de controlo sobre o que fazemos e apoio social. Experimentamos maior bem-estar no trabalho e estamos mais motivados para trabalhar quando se conjugam duas condições. Primeira: sentimos que temos poder e controlo sobre o que fazemos (em oposição a sermos apenas um “dente na engrenagem” e impossibilitados de “tomar conta” da nossa função). Segundo: sentimos que os nossos líderes e colegas são uma fonte de apoio e ajuda em momentos críticos. Lição: convém tratar as pessoas como pessoas – e, sobretudo, como pessoas adultas.